ACERVO DIGITAL

TAXA DE REJEIÇÃO: COMO FIZ PARA REDUZIR DE 80% PARA 2%

Compartilhe com seus amigos!

 

COMO CONSEGUI DIMINUIR A ALTA TAXA DE REJEIÇÃO DO MEU BLOG

A TAXA DE REJEIÇÃO SUBIU RAPIDAMENTE

No dia 02 de agosto de 2014 alterei o tema do meu blog e no mesmo dia notei que a taxa de rejeição aumentou de 2% para 80% em média.

 

 

Então fiz diversas mudanças para tentar diminuir essa taxa, mas nenhuma surtiu o efeito esperado:

A SOLUÇÃO

Ao perceber que as mudanças não estavam surtindo efeito, comecei a desconfiar que, por algum motivo, o Google Analytcs estava fazendo uma leitura incorreta da taxa de rejeição.

O Google entende que a rejeição acontece quando alguém chega até seu site, visita apenas uma página e sai sem visitar nenhuma outra página.

Então cheguei a conclusão de que os visitantes do meu blog estavam navegando por outras páginas, mas o Google Analytcs não estava contabilizando estas visitas.

A solução foi instalar o plugin que adiciona o código de acompanhamento do Google Analytics em todas as páginas do meu blog.

Assim o Google Analytics voltou a fazer a leitura correta e a taxa de rejeição reduziu de 80% para  2% de média diária.

Neste blog instalei o plugin NK Google Analytics.

Em outro blog tive que instalar dois plugins (juntos): Google Analytics by Yoast e All in One Webmaster.

 

 

MOTIVO DO PROBLEMA

Meu tema anterior tinha um campo específico para inserir o código de acompanhamento do Google analytics. O tema novo não possui essa funcionalidade e por isso foi necessário instalar um plugin para fazer essa função.

CONFIGURANDO O PLUGIN NK GOOGLE ANALYTICS

Depois de instalado e ativado, o plugin NK Google Analytics pode ser configurado da seguinte forma:

  1. Clique no menu Configurações do seu painel WordPress.
  2. Clique em NK Google Analytics
  3. Insira o código de acompanhamento do google analytics referente ao seu site.
  4. Digite o endereço do site (caso tenha escolhido a opção Universal Analytics)
  5. Em NK Google Analytics Status marque a opção “ON”.
  6. Salve as alterações.

Compartilhe com seus amigos!
Sair da versão mobile